Pé Esquerdo & Maçonaria

8804c-pe2besquerdo

Ao contrário do que alguns podem pensar, esse é um costume muito antigo, de milênios, e não possui relação alguma com o azar.

As principais pinturas e esculturas de deuses e faraós egípcios mostram sempre o pé esquerdo à frente, enquanto as que ilustram pessoas comuns em situações do cotidiano mostram o pé direito. Trata-se de uma coincidência? Não. O passo com o pé esquerdo era considerado pelos egípcios como símbolo do “primeiro passo” para uma nova vida. Por isso, era com o pé esquerdo que o faraó dava seu primeiro passo após sua posse. Também por isso que as escadas eram feitas com degraus em número ímpar, de forma a ser possível iniciar e encerrar a subida com o pé esquerdo. Essa tradição foi herdada posteriormente pelos gregos, como também se pode ver estampada em sua arte.

Por que o esquerdo, e não o direito?

Os egípcios acreditavam que o lado esquerdo era o lado espiritual, enquanto que o lado direito era o lado material. Por esse motivo, as coisas tidas como sagradas eram feitas com o pé e mão esquerda.

Esse simbolismo do primeiro passo, um passo espiritual para uma nova vida, continuou sendo observado nas instituições tradicionais, principalmente em suas cerimônias de iniciação, incluindo a Maçonaria.

“Rompendo a Marcha”

O costume também foi incorporado pelos antigos exércitos, que davam o primeiro passo de suas marchas com o pé esquerdo como um sinal de sorte para a batalha. Com o tempo, o costume se tornou regra, mas perdeu sua simbologia. Daí então, as famosas “Lojas Militares”, responsáveis pelo surgimento das primeiras Lojas Maçônicas nas então “Colônias”, acostumados ao primeiro passo esquerdo não somente em Loja, mas também fora dela, incorporaram às suas Lojas a prática e o termo militar “romper a marcha com o pé esquerdo”.

Foi assim também que o maçom, que tinha “passos”, passou a ter “marchas”.

Autor: Kennyo Ismail

Fonte: No Esquadro

Sobre Luiz Marcelo Viegas

Mestre Maçom da ARLS Pioneiros de Ibirité, nº 273, jurisdicionada à GLMMG. Membro da Escola Maçônica Mestre Antônio Augusto Alves D'Almeida - GLMMG Contato: opontodentrodocirculo@gmail.com
Esse post foi publicado em Simbolismo e Símbolos e marcado , , . Guardar link permanente.

4 respostas para Pé Esquerdo & Maçonaria

  1. Muito bom o trabalho meu Irmão. Acrescento dizendo que o lado esquerdo é o lado onde se hospeda o coração. E segundo a cultura egípcia, o centro da vida, das emoções, da vontade e até mesmo da consciência. Então um passo executado com o lado esquerdo, teria estas propriedades também. E além da marcha militar, as danças clássicas (e balé, etc) também começam com o pé esquerdo, já que o braço direito envolve a cintura da companheira e o braço esquerdo é esticado, dando a direção ao movimento.
    Votos de paz profunda,
    Trevisan.

    Curtir

  2. jose dalpra disse:

    Verdade eu sempre tive comigo o lado esquetdo como bom

    Curtir

  3. Osnei Costa Galvão disse:

    No rito Adonhiramita simmbolicamente o lado direito é ativo, positivo, criativo, masculino e representa o poder de realização, enquanto o lado esquerdo é passivo, negativo, receptivo, feminino e representa a capacidade de modelação. Romper a marcha com o pé direito, representa que o nosso poder criativo, masculino, positivo, se sobrepõem aos nossos aspectos negativos que devem ser submetidos à nossa vontade e superados com a prática das virtudes. Em simbologia, o lado direito sempre esteve ligado ao poder da Luz, e o lado esquerdo ao poder das Trevas. Todavia, nada tem a ver com superstições, mas sim, posturas que guardam um sentido simbólico.

    Osnei Galvão M.’.M.’.

    Curtir

    • Antonio Almeida disse:

      Perfeita colocação meu irmão. Como na simbologia não existe verdade absoluta, sugiro que os irmãos estudem a criação do Rito Escocês Antigo e Aceito e o motivo da inversão de suas CCol.’.. Quem sabe essa questão de direito e esquerdo não tenha raiz lá. Diversos ritos franceses, inclusive não quero generalizar, mas acredito que todos os outros, exceto o REAA, marcham com o pé direito. Sem duvida vale o estudo.

      Antonio Almeida – M.’. M.’.

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s