Estes não são os únicos segredos da Maçonaria

Maçonaria em tempos de pandemia - GAZETA 369

Estamos vivendo um tempo de auto conhecimento Maçônico através de centenas de palestras de excelente conteúdo em sua imensa maioria. Sabemos que estes tempos nos deixam apenas o aprendizado mental como possível. Algumas reuniões tem sido realizadas na verdade de forma presencial, mas são poucas devido a preocupação com nossos irmãos e nossa saúde física.

Infelizmente, conhecimento e sabedoria são coisas diferentes, e estamos perdendo há muitos meses a possibilidade da prática dos costumes, da possibilidade da ressonância da caixa energética que é nosso templo. O pior é que não sabemos até quando é que nossa ordem continuará transformada em uma EAD ou seja uma Instituição de Ensino à Distância. Vemos que muitos atuais Veneráveis não passaram pelo Ritual de Instalação e estão dirigindo Lojas sem receber as Luzes para assim exercer a verdadeira sabedoria. Também muitos irmãos não estão recebendo a oportunidade de receber aumento de salários, isto nos preocupa.

Os esoteristas como eu, sentem falta do encontro pessoal, da troca energética, da capacidade da caixa de Ressonância transformar toda esta grandeza presencial em Energia que recarrega nossas baterias. O Grande Arquiteto do Universo está conosco sempre que nos sintonizamos, mas em grupo a força é muito maior.

Os nossos segredos, na verdade, acontecem quando estamos dentro do templo e criando uma unidade, ou seja, “juntos somos um”. Assim somos mais, como diz a lei da Sinergia: “um mais um é maior que dois”. Peço ao Grande Arquiteto que estes tempos sejam breves pois, nós que acreditamos que os verdadeiros segredos se comunicam pessoalmente, sentimos um vazio da verdade comunicada pelos Cinco sentidos.

Os grandes segredos, dos quais a Maçonaria é um receptáculo dos grandes conhecimentos da humanidade, não estão sendo transmitidos em termos de presença, apoio e esoterismo. Os Cavaleiros Templários, um dos principais pilares da Maçonaria presentes nos Graus superiores do Rito Escocês e também do Rito de York, nos ensinam a perseverar sempre. Aqueles que ainda não tiveram esta oportunidade irão perceber quando lá aprenderem.

Por enquanto seguimos no aprendizado mental, que é o que nos resta e é muito importante. cabe a cada um de nós recorrer aos Mestres para interpretar os símbolos mentais que nos passam nosso importantes palestrantes pois a mente precisa se ligar ao coração para transformar o Conhecimento em Sabedoria!

Autor: Antônio José da Silva

Antônio José é Mestre Instalado e fundador da ARLS Águia das Alterosas – 197 – GLMMG, Oriente de Belo Horizonte, vice-presidente da Escola Maçônica Mestre Antônio Augusto Alves D’Almeida, membro da Loja de Pesquisas Quatuor Coronati Pedro Campos de Miranda, e também um grande incentivador do blog.

Screenshot_20200502-144642_2

Só foi possível fazermos essa postagem graças à colaboração de nossos leitores no APOIA.SE. Todo o conteúdo do blog é disponibilizado gratuitamente, e nosso objetivo é continuar oferecendo material de qualidade que possa contribuir com seus estudos. E você também pode nos auxiliar nessa empreitada! Apoie nosso projeto e ajude a manter no ar esse que é um dos blogs maçônicos mais conceituados no Brasil. Para fazer sua colaboração é só clicar no link abaixo:

https://apoia.se/opontodentrodocirculo

Sobre Luiz Marcelo Viegas

Mestre Maçom da ARLS Pioneiros de Ibirité, nº 273, jurisdicionada à GLMMG. Membro da Escola Maçônica Mestre Antônio Augusto Alves D'Almeida - GLMMG e da Academia Mineira Maçônica de Letras. Contato: opontodentrodocirculo@gmail.com
Esse post foi publicado em Maçonaria e marcado , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.