A Lei de Godwin e a Maçonaria

O Ponto Dentro do Círculo

“Paremos, portanto, de julgar uns aos outros. Ao contrário, preocupem-se em não ser causa de tropeço ou escândalo para o irmão”. (Romanos 14,13)

Em 1990, o jurista americano Michael W. Godwin fez uma afirmação que repercutiu nos meios virtuais e ficou conhecida como a “Lei de Godwin”. Segundo ele, “à medida que cresce uma discussão online, a probabilidade de surgir uma comparação envolvendo Adolf Hitler ou o nazismo aproxima-se de 1 (100%)”.

Desde então, sempre que o calor das discussões, fóruns ou bate-papo, sobre qualquer assunto, o posicionamento de uma das partes resvala para comparações ao nazismo, na tentativa de demonizar ou desacreditar o(s) interlocutor (es), considera-se que o autor da colocação perdeu a discussão à míngua de melhores argumentos, distanciando-se do assunto original, revelando-se um bom momento para acabar com o debate, vez que o mesmo atingiu o “ponto Godwin”.

Por outro lado, há aqueles que argumentam no…

Ver o post original 1.192 mais palavras

Sobre Luiz Marcelo Viegas

Mestre Maçom da ARLS Pioneiros de Ibirité, nº 273, jurisdicionada à GLMMG. Membro da Escola Maçônica Mestre Antônio Augusto Alves D'Almeida - GLMMG e da Academia Mineira Maçônica de Letras. Contato: opontodentrodocirculo@gmail.com
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.